o que pode ser

Assuntos específicos relacionados à freios e suspensão.
cesar oliveira
Mensagens: 7
Registrado em: 22 Set 2017, 22:54
Cidade: s.j.p
Estado: Paraná-PR
Modelo: Monza SL
Motor: 2.0
Ano: 1991
Combustível:: Gasolina
Injeção: Carburador

o que pode ser

Mensagem por cesar oliveira » 22 Set 2017, 23:16

olá amigos boa noite.
tenho um monza sl 2.0 gasolina ano 91,comprei ele faz 2 anos comprei de mano a mano com o avo da minha enteada
o carro esta otimo todo original interno e externo,motor e caixa otimos.
tenho um problema no freio que não sei oque pode ser,
vou explicar:

o freio dele esta assim,quando vc pisa no freio o pedal afunda,troquei os burrinhos de freios e nada
depois troquei o cilindro mestre e nada.continua a mesma coisa o pedal afundando
foi feito a sangria retirada do ar e continua mesma coisa
não tem vazamento de oléo nenhum.
sinceramente não sei mais oque pode ser.
esses dias fiz um teste pisei no freio de uma só vez ele frenou tio arrastou o pneu dianteiro lado esquerdo só.
quando troquei os pneus perguntei se as pastilhas estavam boas e o borracheiro disse que sim
agora as lonas já não sei.

alguém pode me ajudar.
desde já agradeço a atenção.

Avatar do usuário
Carlos A. Freire
MODERADOR
Mensagens: 16298
Registrado em: 18 Jan 2007, 10:06
Cidade: SAO PAULO
Estado: São Paulo-SP
Modelo: Monza GLS
Motor: 2.0
Ano: 1996
Combustível:: Gasolina
Injeção: EFi

Re: o que pode ser

Mensagem por Carlos A. Freire » 23 Set 2017, 08:34

Esse sintoma descrito as causas podem ser o cilindro mestre com defeito ( mais comum), ar no sistema, vazamento ou lonas muito longe da parede do tambor (ajuste).
Nunca confie 100% em peças novas. Elas pode apresentar defeitos ou serem mal aplicadas.

Abs,

Carlos Freire
Monza GLS 96 - 2.0 EFI gasolina
São Paulo-SP

Avatar do usuário
Luiz Carlos (Rio)
Membro 500EF (Ní­vel 9)
Mensagens: 3321
Registrado em: 15 Dez 2006, 10:22
Cidade: Rio de Janeiro
Estado: Rio de Janeiro-RJ
Modelo: Monza GLS
Motor: 2.0
Ano: 1994
Combustível:: Gasolina
Injeção: EFi

Re: o que pode ser

Mensagem por Luiz Carlos (Rio) » 23 Set 2017, 09:42

Cesar

Eu faria uma sangria e se o defeito persistisse partiria para a troca do cilindro mestre (ou o reparo dele, se existir).

O fato de ter freado só uma roda dianteira pode ser causado por um dos circuitos do freio (são dois circuitos independentes) com defeito.
Isso porque no Monza (e todos os carros modernos) cada um dos dois circuitos alimenta uma roda dianteira e a roda traseira do lado oposto.

Aproveito que citei isso de circuito independente de freios para tecer algumas considerações a respeito disso.
Nos carros mais antigos (meu Chevette 76, por exemplo) que tinha dois circuitos independentes de freio na época (o famoso Fusca só tinha um), se o circuito que alimentava as rodas dianteiras tivesse um vazamento, por exemplo, praticamente se perdia o freio, pois as rodas traseiras não conseguem parar o carro com a mesma eficiência das dianteiras. A divisão não podia ser como é hoje em dia, em diagonal, um circuito alimentando a roda dianteira esquerda e a traseira direita, enquanto o outro circuito alimenta a dianteira direita e a traseira esquerda.

No Chevette e em muitos outros carros da época se isso fosse feito, o carro provavelmente capotaria em caso de pane de um dos circuitos.
O primeiro carro que permitiu circuito em diagonal foi o Passat. Depois dele a Variant.

No Passat era fácil notar que as rodas dianteiras eram diferentes, com a parte central saliente. Isso era devido ao raio de rolagem negativo, que permite circuito de freio em diagonal e previne que o motorista perca o controle do veículo em caso de estouro de pneu dianteiro.
Esse pessoal que altera a suspensão, rebaixando a mesma ou substituindo os aros originais por outros que alteram o off set da roda, coloca em risco suas vidas, de suas famílias e dos motoristas que estiverem perto na hora de um estouro de pneu ou falha de um dos circuitos de freio.

Claro que é recomendável uma inspeção no estado das pastilhas e das lonas, bem nos respectivos mecanismos automáticos de ajuste da distância das pastilhas e das lonas para os discos e tambores (panelas).

Com freio não se brinca. Se não resolver, talvez você deva levar o Monza a uma oficina especializada em freios (se houver uma na sua cidade), para depois rodar tranquilo e com segurança. Pode sair mais caro, mas a vida não tem preço.

Abs
Luiz Carlos
Monza GLS 2.0 -1994 EFI 2 portas - gasolina - prata argenta
Rio de Janeiro - RJ

cesar oliveira
Mensagens: 7
Registrado em: 22 Set 2017, 22:54
Cidade: s.j.p
Estado: Paraná-PR
Modelo: Monza SL
Motor: 2.0
Ano: 1991
Combustível:: Gasolina
Injeção: Carburador

Re: o que pode ser

Mensagem por cesar oliveira » 23 Set 2017, 16:06

quero agradecer a tods pelas informações citadas a cima.

então eu fiz a troca do cilindro mestre e tbm a dos burrinhos de freio
porém não tem vazamento algum do oleo do freio
foi feita a sangria na oficina e continuou a mesma coisa
depois fiz em casa fui vendo os videos no youtube kkkkk e continou a mesma coisa.
2 anos com o carro e o freio na mesma coisa kkkkkkkk to ficando de cabelo em pé já kkkkkk

agradeço a todos.

Avatar do usuário
Carlos A. Freire
MODERADOR
Mensagens: 16298
Registrado em: 18 Jan 2007, 10:06
Cidade: SAO PAULO
Estado: São Paulo-SP
Modelo: Monza GLS
Motor: 2.0
Ano: 1996
Combustível:: Gasolina
Injeção: EFi

Re: o que pode ser

Mensagem por Carlos A. Freire » 23 Set 2017, 19:56

Trocar peças boas ou até ruins por peças peças novas não significa solução de problemas. Como disse lá em cima, peças novas podem apresentar defeitos ou serem mal aplicadas. Em caso de avaliação de defeitos, peças novas e recém trocadas devem entrar na a avaliação.
O sistema de freio é bem simples e de fácil avaliação. Funcionamento simples e com poucos componentes para verificar.
Monza GLS 96 - 2.0 EFI gasolina
São Paulo-SP

cesar oliveira
Mensagens: 7
Registrado em: 22 Set 2017, 22:54
Cidade: s.j.p
Estado: Paraná-PR
Modelo: Monza SL
Motor: 2.0
Ano: 1991
Combustível:: Gasolina
Injeção: Carburador

Re: o que pode ser

Mensagem por cesar oliveira » 23 Set 2017, 22:14

vou levar no mecanico e pedir para ele verificar todos os componentes
cilindro hidrovacuo lonas pastilhas fazer a sangria e etc.
caso continue do mesmo jeito
farei igual no desenho dos flinstons kkkkkkkkkkk.

obrigado pelas dicas amigos.
boa noite fiquem com Deus. :)

Avatar do usuário
Carlos A. Freire
MODERADOR
Mensagens: 16298
Registrado em: 18 Jan 2007, 10:06
Cidade: SAO PAULO
Estado: São Paulo-SP
Modelo: Monza GLS
Motor: 2.0
Ano: 1996
Combustível:: Gasolina
Injeção: EFi

Re: o que pode ser

Mensagem por Carlos A. Freire » 24 Set 2017, 06:24

Caso continue o problema troque de reparador, rs!
Monza GLS 96 - 2.0 EFI gasolina
São Paulo-SP

Avatar do usuário
tyo
Membro Classic SE (Ní­vel 8)
Mensagens: 2546
Registrado em: 24 Set 2010, 17:28
Cidade: CAMPINAS
Estado: São Paulo-SP
Modelo: Monza Classic SE
Motor: 2.0
Ano: 1989
Combustível:: Gasolina
Injeção: Carburador

Re: o que pode ser

Mensagem por tyo » 24 Set 2017, 10:27

não esqueça de mandar verificar os flexiveis dianteiros e traseiros,as tubulações e os reparos das pinças de freio.
monza classic se 1989 a/c, direção hidráulica, vidros,travas,espelhos elétricos,computador de bordo e uma beleza Incomparável.

cesar oliveira
Mensagens: 7
Registrado em: 22 Set 2017, 22:54
Cidade: s.j.p
Estado: Paraná-PR
Modelo: Monza SL
Motor: 2.0
Ano: 1991
Combustível:: Gasolina
Injeção: Carburador

Re: o que pode ser

Mensagem por cesar oliveira » 24 Set 2017, 15:33

Ok muito obrigado a todos pelas dicas

Responder