Vectra CD 1995 2.0 8v - Malagoli

Assuntos específicos relacionados a outras marcas e veículos.
Avatar do usuário
Malagoli
Membro 500EF (Ní­vel 9)
Mensagens: 3301
Registrado em: 26 Jan 2008, 15:26
Cidade: Belo Horizonte
Estado: Minas Gerais-MG
Modelo: Não tenho Monza :(
Motor: 2.0
Ano: 1995
Combustível:: Gasolina
Injeção: MPFi

Re: Vectra CD 1995 2.0 8v - Malagoli

Mensagem não lida por Malagoli » 03 Nov 2017, 21:23

Evandroetd escreveu:
29 Out 2017, 13:21
Olá, você ainda esta fazendo essas peças?
Se sim, qual o valor do suporte do Break Light do Vectra 99, que esta em um print do projeto?
Obrigado!
https://www.facebook.com/rafael.malagolideoliveira
https://www.instagram.com/rafa_malagoli/
Whatsapp: 31 9 9803-2922

Me acha num destes canais aí que te passo mais detalhes, rs :ok:

Avatar do usuário
Malagoli
Membro 500EF (Ní­vel 9)
Mensagens: 3301
Registrado em: 26 Jan 2008, 15:26
Cidade: Belo Horizonte
Estado: Minas Gerais-MG
Modelo: Não tenho Monza :(
Motor: 2.0
Ano: 1995
Combustível:: Gasolina
Injeção: MPFi

Re: Vectra CD 1995 2.0 8v - Malagoli

Mensagem não lida por Malagoli » 03 Nov 2017, 21:27

José Leal escreveu:
01 Nov 2017, 23:42
Malagoli escreveu:
21 Set 2017, 20:50
(...)Isso fora o resto que falta do conjunto, como jogo de pisões e anéis (Qual ainda não decidi por quais pegar, queria muito messsmo os N20XF porém tá osso achar quem faça as cavas!)(...)
Permita-me atiçar suas lombrigas: um amigo daqui de Goiânia comprou meus pistões do Monza álcool, com as cavas para o X22XEV, e montou no C20XE. Sabe o que ele precisou fazer para rodar? NADA! Foi simplesmente montar nas bielas e ta feito. Não precisou fazer as cavas de escape.
Posso até ver com o mecânico qual torneiro fez as cavas na época. Mas de qqer forma, vai precisar de 1 pistão para tirar as medidas.
Zé, achei receita mais fácil 'passeando' pelo fórum da turma dos Kadetts.... Mais fácil, mais apropriada a um 16v, e que rende bem mais também.

Pistões de Civic Si! .. Tem que abrir a passagem do pino na biela em 1mm, e mais nada. Altura de compressão é a mesma, já tem cavas, e o "dome" da Honda além de ser muito mais generoso que os de Monza Alcool, ainda é bem mais otimizado ao fluxo dos 16v. Só tem que tomar cuidado com a taxa, pelo menos usar ARP's no lugar dos prisioneiros de cabeçote.. aí dá pra ficar tranquilo, rs

Eu tenho que cuidar de algumas coisas antes de finalizar esta questão de motor, minhas contas estão andando justinhas de mais... estou fazendo os últimos investimentos ao meu negócio neste fim de ano agora, então não dá pra brincar no financeiro... senão o rolo compressor das contas me pega de jeito, kkk

:ok:

Avatar do usuário
José Leal
MODERADOR
Mensagens: 7320
Registrado em: 07 Fev 2008, 13:56
Cidade: Goiânia
Estado: Goiás-GO
Modelo: Não tenho Monza :(

Re: Vectra CD 1995 2.0 8v - Malagoli

Mensagem não lida por José Leal » 21 Dez 2017, 19:56

Malagoli, tudo bem? E como ficou essa história dos pistões do Civic? Teria que tomar cuidado para que o dome do pistão não bata na vela.
Imagem
.Imagem

Avatar do usuário
Malagoli
Membro 500EF (Ní­vel 9)
Mensagens: 3301
Registrado em: 26 Jan 2008, 15:26
Cidade: Belo Horizonte
Estado: Minas Gerais-MG
Modelo: Não tenho Monza :(
Motor: 2.0
Ano: 1995
Combustível:: Gasolina
Injeção: MPFi

Re: Vectra CD 1995 2.0 8v - Malagoli

Mensagem não lida por Malagoli » 25 Dez 2017, 17:00

José Leal escreveu:
21 Dez 2017, 19:56
Malagoli, tudo bem? E como ficou essa história dos pistões do Civic? Teria que tomar cuidado para que o dome do pistão não bata na vela.
Esse tipo de coisa deve ser trauma que você tem com o mexânico que ferrou o motor do seu 2.2 16v Zé, :lol:

O teste é muito simples, com o cabeçote montado, inclusive as velas, faz a medição do pistão fora do bloco.. assim em tese estaria com a maior altura de compressão possível no sistema, já que não tem junta no meio. Faz a aferição e se o dome der contato com a vela, faz a retirada de material de cada pistão antes de proceder com a montagem definitiva... o que ainda por cima é MUITO improvável. O desenho da câmara do K20 e do C20XE e faceamento de válvulas com a base do cabeçote são praticamente idênticos "visualmente", assim como os números de altura de compressão que bate certinho com os motores GM 2.0... Creio que existiria a chance de pegar pistão com vela caso o cabeçote estivesse abaixo da medida, o que não é meu caso.

Ainda não sei exatamente se encaro isso.. Tenho plena confiança no uso deles com base nas informações que me passaram e por todo material que pesquisei, mas meu "medo" é de querer algo mais depois, e acabar com o projeto num fim de túnel por estar taxado de mais. Já com uma taxa mais razoável e que ainda dê pra rodar no Etanol, o caminho de uma possível sobre alimentação chega ainda a ser plausível, por não ter que refazer toda a parte de baixo... Isso é ponto que eu avalio com grande cautela, pois este motor é coisa que estou montando pra levar por muito tempo, independente do carro que o receba. Pode ser que fique "2.0 16v Gasolixo" ou até mesmo Etanol no Vectra, mas quem sabe depois, não bate uma louca de montar turbinado e tal? .... Tenho que deixar o caminho aberto pra essa possibilidade, ainda mais que já tive experiência diária por anos com um caracolzinho no Marea, e até mesmo na Parati, qual sinceramente... sinto muita saudade da puxada que tinha, coisa que aspirado, sabe como é.. por mais que tenha fôlego, nunca é como num sistema turbinado.

Eu tenho planos e projetos a trabalhar que vão muito além do meu carro pra correr dentre os próximos dois anos.. Devo terminar de montar isso só no "básico" pra poder dar prioridade a estas coisas que são bem mais importantes, mas pode ser que estes novos empreendimentos tragam bom resultado e eu acabe voltando com um projeto de maior peso e abrangência pro VCD... mas isso só o tempo vai dizer.

:ok:

Avatar do usuário
José Leal
MODERADOR
Mensagens: 7320
Registrado em: 07 Fev 2008, 13:56
Cidade: Goiânia
Estado: Goiás-GO
Modelo: Não tenho Monza :(

Re: Vectra CD 1995 2.0 8v - Malagoli

Mensagem não lida por José Leal » 27 Dez 2017, 21:23

Sobre o motor do Vectra que cag@ram nele, coisa da retífica, que o montou com folga fora do tolerado. Aí fez eu desperdiçar dinheiro. Se eu tivesse a oportunidade de ter outro Vectra 2.2 16V, faria tudo novamente. Ainda mais que o cara que montou meus pistões, no C20XE, é mecânico, então tem todo o caminho das pedras.
Até mesmo, quando precisar mexer no Zetec, já estou pensando na maldade de colocar os pistões do 2.0 do Mondeo. Só nessa gracinha, já vem mais de 120CV. Se for o pacote completo, já vai para os 131CV originais.

Eu penso que se for para fazer taxado, esqueça turbina. A taxa alta vai limitar seu projeto, aí tem que começar tudo do zero novamente. Defina uma linha e morra seguindo ela.

Tive o enorme prazer de dirigir um Uno T a vários anos atrás. A única coisa que não tinha de original nele era a válvula do "espirro". Sensação indescritível. Então entendo quando vc fala que tem saudades do mocréia :lol: e da Parati. Se for para futricar no C20XE, faça a coisa que eu entendo como certa: monta com os pistões originais, que já são forjados, bielas forjadas e mais para frente coloca o caracol. Vai te propiciar muitos sorrisos e satisfação.
Imagem
.Imagem

Avatar do usuário
500EF
MODERADOR
Mensagens: 5856
Registrado em: 24 Ago 2007, 17:13
Cidade: BH
Estado: Minas Gerais-MG
Modelo: Monza 500 EF
Motor: 2.0
Ano: 1990
Combustível:: Etanol
Injeção: MPFi

Re: Vectra CD 1995 2.0 8v - Malagoli

Mensagem não lida por 500EF » 02 Jan 2018, 09:56

Turbo é turbo... hehehe
Eduardo Rettore
Monza Classic 500 EF - 2.0i MPFi
Turbo@ 1 bar-Legalizado.
Imagem

Responder