SAE 15 W 50 - 20 W 50 VISCOSIDADE

Tem alguma dica sobre manutenção? Divulgue! Leia e mantenha seu Monza em dia!
Avatar do usuário
LeoStrop
Membro GL (Ní­vel 2)
Mensagens: 99
Registrado em: 02 Jul 2018, 18:32
Cidade: Paraty
Estado: Rio de Janeiro-RJ
Modelo: Não tenho Monza :(
Motor: 1.8
Ano: 1994
Combustível:: Etanol
Injeção: EFi

Re: SAE 15 W 50 - 20 W 50 VISCOSIDADE

Mensagem não lida por LeoStrop »

Waldir,

Só para atualizar o tópico, e postar mais algumas informações sobre a escolha do óleo pra nossos carros.

Usei o Total Quartz 15W50 e gostei bastante, porém pesquisando mais sobre lubrificantes decidi trocar e passar a utilizar o Shell Rimula RT4X 15W40 para motores diesel. Vou explicar o porque da minha escolha.

De uma forma geral, é sempre melhor escolher um lubrificante que tenha a menor diferença entre as viscosidades XW XX, ou seja, seria melhor escolher um 15W50 ao invés de um 5W50. Isso se o seu motor/manual/ambiente permitir.

Isso se dá pois na formulação de um óleo 5W 50, por exemplo, o óleo base a ser usado tem que ter uma viscosidade bem baixa para conseguir atender a viscosidade em baixas temperaturas (5W), porém não deve afinar tanto para conseguir atender a viscosidade a quente (50). Para conseguir isso, os laboratórios utilizam um aditivo chamado de modificador de viscosidade que é um polímero que evita que o óleo afine quando sua temperatura sobe.

O problema é que esse polímero, com o tempo de uso e com o cisalhamento do óleo que ocorre no motor, acaba se desfazendo ou se quebrando, criando assim mais depósitos no motor e deixando o óleo mais fino com o tempo.

Na maioria das vezes, um óleo que começou como 5W 50, acaba se transformando em um 5W 40 ou até mesmo 5W 30 em casos extremos (motores de moto por exemplo, que demandam muito do óleo).

Só que é importante salientar que os óleos 10W e 5W, na maioria das vezes são sintéticos, ou sejam, utilizam um óleo base melhor que o mineral, tendo assim algumas vantagens, porém com preço elevado. Para nosso utilização em nossos FM2, não vejo vantagem em utilizar esses óleos, a não ser que a pessoa deseje estender muito o intervalo de troca.

Como as nossas opções de óleos 15W 40 para motores a gasolina são bem fracas, preferi utilizar os indicados para motores Diesel, pois esses lubrificantes possuem mais aditivos anti desgaste (Zinco e Fósforo) e detergentes (Cálcio e etc). Esses aditivos são diminuídos para os carros comuns, por conta dos catalisadores que se degradam mais rápido quando se tem altos índices de Zinco e Fósforo. Como o meu carro não tem catalisador, não preciso me preocupar.

Também é importante saber que os objetivos dos lubrificantes foram mudando. Hoje com os severos controles de emissão e economia de combustível, nossos óleos passaram a ceder em certas áreas como o desgaste do motor para conseguir atender as normas atuais. Como citado acima, após a API SL, as classificações SM e SN passaram a ter um limite mais rigoroso nesses aditivos anti-desgaste para poder atender as normas atuais de emissões e proteger os sistemas (cada vez mais complexos) de catalizadores. O mesmo aconteceu com a classificação Diesel, após a CL-4.

Ou seja, para nossos motores, prefiro escolher um óleo de classificação API SL ou Cl-4 (diesel). Na verdade, prefiro mesmo é que o óleo tenha a classificação ACEA, que seria a "API" da Europa. É bem mais rigorosa que a API e mais clara em seus limites e aprovações.

Ou seja, quer um bom óleo para gasolina ou álcool: API SL e ACEA A3/B4

Caso deseje utilizar um indicado para Diesel: API Cl-4 e ACEA E7

Isso para nossos motores antigos.

Avatar do usuário
waldir
Membro 500EF (Ní­vel 9)
Mensagens: 3640
Registrado em: 18 Mai 2008, 09:19
Cidade: Campinas
Estado: São Paulo-SP
Modelo: Monza GLS
Motor: 2.0
Ano: 1995
Combustível:: Etanol
Injeção: EFi

Re: SAE 15 W 50 - 20 W 50 VISCOSIDADE

Mensagem não lida por waldir »

Leo,
obrigado por postar sobre o assunto.

Mais uma possibilidade de escolha. Eu ainda continuo no Lubrax 15w50 SN
MONZA - GLS 95 2.0 EFI - Alcool - Vermelho Goya

Responder